x

Queremos ajudar sua empresa

Fale conosco

  • Endereço

    CUBO - Alameda Vicente Pinzon, 54 - Vila Olimpia
    São Paulo/SP

  • Redes sociais

Blog

Navegue por nossa trilha do conhecimento e crie novos insights para seu negócio

Gestão de Compras na Indústria

Gestão de Compras na indústria: como fazer?

Vivemos um momento na indústria totalmente voltado para o pensamento enxuto, consolidado na metodologia do Lean Manufacturing. Isso significa que as empresas perceberam que é fundamental reduzir desperdícios para que o negócio cresça.

Uma das formas de otimizar o desempenho da indústria está na aquisição de matérias-primas. É por isso que uma boa gestão de compras é essencial para diminuir o valor do produto final e aumentar a competitividade do negócio.

 

O que é Gestão de Compras?

Como o próprio nome já diz, a gestão de compras é a área responsável pela eficiência no processo de aquisição de materiais para uma empresa. Ou seja, é a definição de uma série de estratégias para viabilizar a compra de insumos, visando sempre reduzir custos sem perder a qualidade dos materiais.

Entre as funções desempenhadas pela área estão o planejamento de compras (em que são detalhadas informações como quantidades, tempo, local de entrega, etc), a seleção de fornecedores para cada produto, a negociações dos termos de compra, o registro dos materiais, cálculos com estoque e depreciação de materiais e por aí vai…

Assim, a gestão de compras realiza, do começo ao fim, a negociação com fornecedores e garante que os suprimentos sempre estejam disponíveis para a produção. Uma má gestão desses recursos, por exemplo, pode gerar a parada na linha de produção, atrasos na entrega do produto e até perda de vendas.

É por isso que é tão importante realizar boas práticas na gestão de compras, tornando o negócio sustentável e propício para crescer.

 

Principais estratégias para gestão de compras

Não existe uma fórmula mágica para garantir o sucesso na gestão de compras. Ter processos organizados e bom poder de negociação é a base para otimizar esse setor. Porém, reunimos as três principais estratégias em busca de melhores resultados na área.

 

Entenda o que acontece no seu negócio

É fundamental monitorar tudo que acontece no PCP para fazer uma boa gestão de compras. O gestor responsável precisa entender como é o fluxo de trabalho, se alguma atividade é parada constantemente, se há materiais desperdiçados e qual é a quantidade ideal de cada item.

É preciso entender também como é formulado o orçamento da empresa. Ou seja, quais são os insumos necessários para o negócio rodar, quanto eles custam e quanto isso impacta no negócio. Isso é importantíssimo tanto para fazer a precificação do produto final, quanto para avaliar melhor o preço colocado pelo fornecedor.

 

Negocie com fornecedores

A negociação é um dos fatores mais importantes no processo de gestão de compras. Ter um bom relacionamento com os fornecedores é essencial para conseguir melhores propostas. Além do preço, é importante se atentar à qualidade dos insumos e questões como o prazo de entrega, por exemplo.

É fundamental que esse seja um trabalho constante, que o gestor sempre qualifique sua lista de fornecedores e pesquise novas possibilidades antes de fechar uma compra.

 

Sempre siga os dados

Em tempos de Indústria 4.0 e novas tecnologias, não há mais espaço para tomar decisões com base em intuição. O gestor precisa utilizar números, principalmente relacionados a vendas e comportamento do consumidor.

Alguns dados interessantes são o valor médio pago por produto, o total de vendas no mês, o melhor fornecedor, a época com as melhores vendas, entre outros.

 

Tecnologias para controlar melhor seu negócio

Ter um maior entendimento do chão de fábrica é um dos principais fatores para uma boa gestão de compra. Com o avanço da tecnologia, é possível ter muito mais controle sobre o fluxo de materiais e pessoas dentro da fábrica.

Por exemplo, com um software ERP o gestor consegue fazer um bom controle de estoque, receber alertas em caso de escassez de produtos e visualiza rapidamente quais são os insumos que ele tem naquele momento.

Por outro lado, softwares de geolocalização indoor, como o da Novidá, conseguem monitorar a movimentação de pessoas e equipamentos no chão de fábrica. Assim, o gestor entende melhor quais são as atividades realizadas e pode tirar insights relevantes sobre seu negócio.

Quer entender melhor como a Novidá pode trazer mais eficiência para sua operação? Agende uma conversa com nosso time de especialistas!

Pronto para otimizar seu negócio?

voltar ao topo