x

Queremos ajudar sua empresa

Fale conosco

  • Endereço

    CUBO - Alameda Vicente Pinzon, 54 - Vila Olimpia
    São Paulo/SP

  • Redes sociais

Blog

Navegue por nossa trilha do conhecimento e crie novos insights para seu negócio

Redução de Custos

7 Passos para reduzir custos operacionais na empresa

Independentemente de qual seja o segmento da sua empresa, a gestão de custos é sempre um grande desafio. Todo negócio quer crescer e todo gestor sabe que para isso ele precisa reduzir custos operacionais.

Nem sempre essa é uma tarefa fácil. Existem algumas alavancas que não podem ser mexidas, já que elas resultam em perda na qualidade do produto/serviço final. Por outro lado, alguns gastos são puro desperdício e saber identificá-los é fundamental.

Para te ajudar nessa missão, criamos um pequeno guia com 7 passos para reduzir custos operacionais na sua empresa:

 

1- Faça um Mapeamento de Processos

O mapeamento de processos é essencial para qualquer negócio se manter organizado. Ao desenhar como as atividades e procedimentos funcionam na operação, é possível identificar gargalos, ter mais controle sobre o que acontece na empresa e diminuir desperdícios.

Assim, antes de tomar ações drásticas para reduzir custos, o primeiro passo deve ser entender realmente qual é o estado atual do seu negócio. Verifique quais são os recursos que você utiliza, quais são as atividades realizadas e qual é o valor agregado de cada processo.

Com esse mapeamento, você já terá uma visão muito mais clara de quais são os setores-chaves para reduzir custos.

 

2- Entenda sua mão-de-obra

Você realmente conhece os seus colaboradores? Sabe quais são os pontos fortes e fracos de cada um e quais são as atividades realizadas por eles? Ter noção de tudo isso não é uma tarefa fácil, já que exige um bom entrosamento entre times e um acompanhamento próximo na gestão.

Porém, a mão-de-obra geralmente é um dos principais gastos de uma empresa. Dessa forma, é preciso aproveitá-la ao máximo. Isso não significa que você irá demitir quem não é extremamente produtivo. Mas com uma boa gestão, você consegue descobrir em que tarefas cada colaborador rende mais, o que te dá insumos para realocar a equipe e ter uma operação mais eficiente.

 

3-  Negocie com fornecedores

Uma das fontes mais diretas e fáceis de redução de custos está na negociação com fornecedores. Se você tiver um bom relacionamento, fizer pesquisas de produtos, discutir prazos e quantidades, é possível conseguir descontos que vão impactar diretamente no seu caixa. É por isso que esse é um dos aspectos mais importantes da gestão de compras.

Mas lembre-se de garantir que o fornecedor ofereça uma matéria-prima de qualidade. Afinal, de nada adianta reduzir custos se o produto final tiver prejuízos ao consumidor.

 

4- Utilize a metodologia Lean

O Lean Manufacturing nasceu com base no Sistema Toyota de Produção. A metodologia prega a eficiência dos processos. Ou seja, o objetivo de todas as ações deve ser gastar os menores recursos possíveis para produzir o máximo de valor.

Para isso, a filosofia de gestão prevê identificar os principais desperdícios que existem na operação e, em seguida, eliminá-los. Isso se dá através de um trabalho em equipe e da criação de uma cultura que vá, de fato, evitar desperdícios.

Apesar de surgir na indústria, o sistema lean pode ser aplicado em qualquer outro segmento. O aumento da eficiência nos processos impacta diretamente na redução de custos para a empresa.

 

5- Use tecnologias para aumentar a eficiência

Vivemos a melhor época para quem deseja reduzir custos. Temos à disposição diversas inovações tecnológicas que impactam diretamente nos processos e ajudam a ter uma operação mais eficiente.

Podemos citar desde a plataforma de tracking da Novidá, que monitora a movimentação de colaboradores em suas rotinas de trabalho, até outros sistemas de gestão, softwares de finanças, programas de RH e uma infinidade de outras soluções.

O grande desafio aqui é entender qual é o real problema do seu negócio e onde há maior margem para reduzir custos. Só aí você irá procurar a ferramenta ideal para resolver esse gargalo.

 

6- Faça um planejamento de Melhoria Contínua

O trabalho não acaba depois de tomar todas as ações que já citamos nesse texto. Reduzir custos é uma questão de melhoria contínua, ou seja, um processo que não se acaba e sempre deve ser otimizado.

Aplique o ciclo PDCA e inicie constantemente um planejamento de melhoria contínua. Aos poucos, isso ficará enraizado na cultura da empresa e os resultados serão cada vez melhores.

 

7- Defina Metas

Qualquer planejamento precisa de uma meta para ser realizado. Ela será o norte para indicar se as iniciativas de melhorias estão tendo resultados efetivos. Portanto, se você deseja reduzir custos em sua empresa, é preciso ter KPIs claros de onde você espera chegar.

É importante que essa seja uma decisão tomada em conjunto com os colaboradores e que eles estejam a todo tempo trabalhando em cima dos números a se atingir. Seja equilibrado: não coloque metas impossíveis, mas também não defina números muito fáceis de se atingir.

 

Como a Novidá pode ajudar a reduzir custos na sua empresa?

Diante de um cenário mercadológico cada vez mais competitivo, a Novidá desenvolveu uma solução para ajudar empresas a aumentar a eficiência e reduzir custos.

Usando smartphones, beacons e sensores, monitoramos a movimentação de funcionários e equipamentos em suas rotinas de trabalho. Dessa forma, o gestor consegue identificar em tempo real qual é a localização de cada um de seus colaboradores, medir tempos de execução das atividades e acompanhar de perto o dia-a-dia da operação.

Já aplicamos esse sistema em grandes empresas como Gerdau, Renault e FCA. Você pode conferir todos esses cases de sucesso gratuitamente aqui.

Se interessar, também estamos à disposição para bater um papo e entender como podemos ajudar a sua empresa a conseguir bons resultados. Basta marcar um horário em nossa agenda aqui!

Pronto para otimizar seu negócio?

voltar ao topo